Da soberba

"Nenhum dos adversários do chefe de Estado faz a mais pálida ideia sobre o que verdadeiramente é a função presidencial". É com esta frase peculiar que Carlos Blanco de Morais, membro da Comissão Política de Cavaco Silva, encabeça o artigo do Público da semana passada. Por momentos parece que estamos perante uma tentativa de golpe de Estado, na qual cinco irreverentes candidatos ameaçam ilegitimamente um ser soberano. Fica bem Carlos Blanco na Comissão de Honra de Aníbal. Apenas se estranha que este docente da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa aparente não ter a noção de que num acto eleitoral apenas existem candidatos.

Nuno Serra às 21:17 | link do post | comentar