Poupava-se uma dinheirama

Escrevi hoje que Cavaco Silva tem optado nos últimos dias por uma estratégia marcada pela vitimização e pelo populismo, dando alguns exemplos. Não tinha ainda ouvido as declarações feitas pelo candidato do PSD e do PP em Coimbra, que raiam o insulto à democracia. E não falo do incentivo à manifestação das escolas privadas, depois de ter promulgado o diploma. Falo da afirmação chantagista de que, na situação económica e financeira em que Portugal se encontra, "prolongar a campanha tem custos muito elevados". E que tal ser um nadinha mais consequente e propôr a suspensão da democracia - por seis ou muitos meses? Poupava-se uma dinheirama.

Miguel Cardina às 00:09 | link do post | comentar